O dia se espatifa: Corre, que ainda dá tempo de ver o Nico

domingo, 10 de agosto de 2008

Corre, que ainda dá tempo de ver o Nico

Fui ver o show pela terceira vez. Na segunda, usei a desculpa de levar a minha mãe. Ontem, a justificativa era mostrar o espetáculo para a minha irmã. Nas três vezes, saí do teatro com um enorme sorriso no rosto, a alma leve e algumas certezas: (1) o Nico é um baita showman, (2) Onde está o amor? precisa integrar a discoteca de quem curte boa música pop e (3) o resto do Brasil está marcando passo ao demorar para descobrir que Nico Nicolaiewsky é muito mais do que o já genial maestro Pletskaya.

Para quem a minha palavra apenas não basta, sugiro uma olhadinha nos posts da Martha Medeiros e da Clarah Averbuck sobre o show.

Corre, que ainda deve ter ingressos à venda no Theatro São Pedro para a sessão de hoje, às 19h. Mas corre mesmo, porque ontem a casa estava lotada.


Postado por Cássia Zanon

2 comentários:

  1. Martha Medeiros tem gosto duvidosíssimo pro meu paladar. E a Clarah é sobrinha desde sempre dele. Suspeita, portanto. Mas eu ouvi o disco e é bom. O show eu não vi, mas deve ser bem melhor do que o disco.
    Beijão!
    Raul.

    ResponderExcluir
  2. cristiano dalcin19/08/2008 11:57

    Eu gostei mais quando ele cantou músicas dos outros. Mas gostei do show.

    ResponderExcluir