O dia se espatifa: Ah, por favor 2

quarta-feira, 4 de julho de 2007

Ah, por favor 2

Eu tô impossível hoje, mas este comentário estou para fazer há horas. Posso vir a pagar a língua no futuro, mas acho que poucas coisas no mundo são tão patéticas como esse Second Life. Ou eu não sei "usar" (ou o que quer que seja que se faça com aquilo), ou é mesmo algo tão idiota como esse vídeo bacaníssimo que eu vi pela primeira vez no Blog Mais Lido do clicRBS.

13 comentários:

  1. eu acho esse vídeo excelente. minhas experiências com Second Life não são muito diferentes disso.

    mas por baixo de todo o hype e de muita gente sem noção que usa o bicho apenas como uma sala de chat metida a besta, existem várias coisas bem legais sendo desenvolvidas, experimentadas e estudadas graças ao Second Life. eu, pelo menos, acho muita coisa interessante para ler em blogs como o Terra Nova, o SLOG e, claro, o clássico New World Notes (embora esse, pro meu gosto, tenha muita coisa sem graça).

    para quem gosta de novas mídias, a minha sugestão é sempre deixar que esses blogueiros façam o processo de filtragem pra gente, percam seu tempo nesses mundos virtuais, e depois nos apresentem apenas o que realmente interessa da história toda. eu, pelo menos, não tenho saco algum para usar o Second Life como funciona, hoje.

    ResponderExcluir
  2. Inexiste alguma coisa mais inexistente do que o Second Life? Eu até hoje não fiquei sabendo da inexistência de nada menos desinteressante.

    ResponderExcluir
  3. Estou terminando um trabalho sobre o Second Life, e afirmo: é o capitalismo em sua forma mais bizarra. Até pra ter pinto o homem tem que pagar. Para chorar – shift F8. Beijossss

    ResponderExcluir
  4. Talvez a explicacao esteja no "Create or die"...

    Bejitosss da Drica <* *>

    ResponderExcluir
  5. Tá, tá... mas o comentário do Riq é du'caralho!

    Só duma mente genial para escrever aquilo ali...

    Né não, dona Cássia?

    ResponderExcluir
  6. Eu não entrei na Second Life, mas escrevi sobre ela no meu blog. Um trecho do meu texto:

    "Eu só sei que como nas novelas e filmes, o que até então estabalecíamos paralelo como não sendo a vida real, o Second Life é mais uma ferramenta para nos deixar frustrados com possibilidades que não temos e jamais teremos, como voar e ir a qualquer lugar ou então simplesmente ficar sentando num lugar por algum tempo e ser pago por isso."

    ResponderExcluir
  7. Oi Cássia. Não tenho paciência pro Second Life. Não consigo mexer. Sobre o Peter, fico até sem vontade de assistir qualquer coisa dele, pois tem um projeto rídiculo em Ijuí, chamado Clássicos Cabeça, que adoram passar ele. Uma babaquice...

    Abs

    ResponderExcluir
  8. Second Life é um lixo monumental. Mas me dá preguiça falar mais que isso, já enjoei de xingar. Prefiro te contar que vou ler o Snoopy 3 e mandar abraços pro Márcio.

    ResponderExcluir
  9. Coisa boa saber que não estou sozinha no mundo...

    :-)

    ResponderExcluir
  10. Pelo menos na Rela Life tu não está sozinha não! hehehe

    ResponderExcluir
  11. Sei lá, eu até gostava de jogar The Sims, ver os bonequinhos morrendo e tal. Tá certo que levar isso a sério a ponto de ser uma segunda vida literal é meio babaquice, mas tem gente que anda por aí escutando pagode. Dá pra esperar tudo dessa gente.


    Ah, e eu gostei do vídeo. =]

    ResponderExcluir
  12. Tá com Saco Cheio de tudo isso ?
    Visite:

    http://implicancias.blogspot.com

    Obrigado

    ResponderExcluir